Saúde bucal é coisa séria : conheça os hábitos nocivos aos dentes 0 (0)

Saúde bucal é coisa séria : conheça os hábitos nocivos aos dentes 0 (0)

Para ter boa saúde bucal não basta apenas fazer uma boa escovação e uso correto do fio dental, dentre outros cuidados para a manutenção e boa integridade dos dentes. Conheça 18 hábitos nocivos aos dentes que muitas vezes passa despercebido :

1 – Mastigar Gelo

estraga-o-dente-mastigar-gelo

Apesar de ser natural e sem açúcar, o gelo é aparentemente inofensivo, mas se mastigado, o cubos congelado pode trincar ou até mesmo quebrar os seus dentes e, além do mais uma mastigada estúpida nele pode irritar o tecido sensível dentro dos mesmos além de dores de dente regulares que podem surgir, da mesma forma que os alimentos frios e quentes também podem desencadear rápidas e afiadas dores de dente e de forma persistente. Da próxima vez que você sentir vontade de mastigar gelo, procure mascar um chiclete sem açúcar, que esse sim, contribui para boa saúde bucal.

2- Praticar esportes sem protetor dental

esportes-quebra-dentes

Se você joga futebol, hóquei, ou qualquer outro esporte de contato, não entre no jogo sem um protetor bucal, que é uma peça de plástico moldada que protege a fileira superior dos dentes. Sem ele, os dentes podem sofrer rachadura ou mesmo queda quando o impacto ocorre. Protetores bucais autoajustáveis podem ser comprados em loja do ramo ou você pode obter um personalizado pelo seu dentista.

3- Mamadeiras

dentes-e-mamadeira

Nunca é cedo demais para proteger os dentes e manter a saúde bucal : habituar o bebê a fazer uso de mamadeiras, seja para tomar o tradicional suco ou leite antes dormir, pode recrutar novos dentes para o caminho da decadência : o bebê pode adormecer com a garrafa em sua boca, desta forma, enchendo e fixando os dentes com açúcar durante a noite. O melhor a se fazer seria manter as mamadeiras longe do berço.

 4 – Piercings na língua

piercing-na-lingua

Piercings na língua podem até estar na moda, mas se um pino metálico for mordido eles poderão quebrar um dente. Piercings nos lábios representam o mesmo risco, pois quando o metal entra em atrito com as gengivas podem causar danos e levar à perda do mesmo. A boca, por ser um paraíso para as bactérias, aumenta o risco de infecções e feridas. Antes de usá-los discuta os riscos para a saúde bucal com o seu dentista.

5 – Ranger os dentes

ranger-os-dentes

Ranger os dentes ou bruxismo é outro grande inimigo da saúde bucal por desgastar os dentes ao longo do tempo. É mais frequentemente causado por estresse e hábitos noturnos e muitas vezes é difícil de controlar. Evitar alimentos duros durante o dia pode reduzir a dor e os danos causados por esse hábito. Usar um protetor bucal durante a noite pode evitar os danos causados pela fricção durante o sono.

6 – Pastilhas para tosse

pastilhas-para-tosse

Só porque as suas comercializações são indicadas para a tosse no campo medicinal não significa que eles sejam saudáveis. A maioria é carregada de açúcar, o que não é saudável para a saúde bucal. Então, depois de acalmar a sua garganta com o losango nunca se esqueça de escovar bem os dentes. O açúcar pode até favorecer a diminuição da tosse mas ele atuará como revestimento pegajoso nos dentes onde em seguida as bactérias converterão o açúcar em um ácido que corrói o esmalte do dente.

7 – Doces em geral

doces-prejudicam-os-dentes

Todas os guloseimas açucaradas sem exceção promovem a cárie dentária, porém, alguns doces são mais difíceis de suportar. Tais guloseimas penetram nos dentes devido aos seus açúcares e ácidos, especialmente se o contato direto com o esmalte prevalecer por horas. Se o seu dia se baseia geralmente no consumo deles prefira e opte por um lanche caso não possa fazer refeições normais o que seria o ideal pois mais saliva é produzido durante as mesmas, o que ajuda a neutralizar açúcares e ácidos dos dentes, desta forma, ajudando a manter a bosa saúde bucal.

OUTRAS PRÁTICAS QUE PODEM ACABAR COM A SAÚDE BUCAL

8 – Refrigerantes

refrigerantes-corroem-dentes

Refrigerantes podem ter até 10 colheres de chá de açúcar por porção. Para completar o estrago, refrigerantes também contém ácidos fosfóricos e cítricos que corroem o esmalte do dente, altamente nocivos à saúde bucal. Refrigerantes diet podem até não ter açúcar mas eles podem ter mais ácido dos que os refrigerantes convencionais sob a forma de adoçantes artificiais.

 9 – Abrir coisas com os dentes

abrir-coisas-com-os-dentes

Abrir tampas de garrafas ou embalagens de plástico com os dentes pode ser conveniente mas este é um hábito que os dentistas desaprovam, pois não fazem parte da cartilha para a manutenção da boa saúde bucal. Usando seus dentes como ferramentas pode causar desde trincamentos a rachaduras nos mesmos. Em vez disso, mantenha abridores de garrafa, tesouras, alicates e outras ferramentas à disposição pois os dentes servem para mastigar alimentos, além de exibir belos sorrisos.

10 – Bebidas esportivas

bebidas-esportivas-e-saude-dental

Não há dúvida de que bebidas esportivas especialmente frias ou geladas refrescam após um bom treino especialmente se for um dia de calor. Mas essas bebidas geralmente são ricas em açúcares ou carboidratos. Assim como refrigerantes e doces, bebidas esportivas açucaradas criam um ataque ácido sobre o esmalte dos seus dentes. Bebê-los com frequência pode levar à cárie, destruindo a saúde bucal. A melhor maneira de manter-se hidratado na academia é beber água livre de calorias, sem açúcar.

11 – Sucos de frutas

sucos-de-frutas

O suco de fruta é rico em vitaminas e antioxidantes mas infelizmente a maioria dos sucos também são carregados de açúcar. Alguns sucos podem até mesmo ter mais açúcar do que refrigerante, pois este contém apenas 10 gramas de açúcar a mais do que o suco de laranja. As frutas são naturalmente doces, sem a necessidade de ter mais adição de açúcar. Você também pode reduzir o teor de açúcar dos sucos de frutas através da diluição de água nos mesmos, e a sua saúde bucal agradecerá.

12 – Batatas Chips

batatas-chips-e-os-dentes

O ácido liberado pelas bactérias que atuam nos alimentos ricos em amido pode atacar os dentes em apenas 20 minutos, especialmente se o resto do alimento se impregnar entre eles ou pelas repetidas beliscadas em curtos intervalos de tempo. Você pode precisar usar o fio dental depois de comer batatas fritas e outros alimentos ricos em amido, que tendem a ficar preso nos dentes.

13- Mastigar lápis

mastigar-lápis

Você já mastigou lápis quando se concentra em trabalho ou estudos? Assim como mastigar gelo, este hábito pode lascar ou rachar os dentes. Para a boa saúde bucal, pastilha sem açúcar é a melhor opção quando você sentir necessidade de mastigar lápis. Ele irá acionar o fluxo de saliva, o que pode tornar os dentes mais fortes e proteger contra os ácidos que se alimentam de esmalte.

14 – Beber café

beber-café-amarela-os-dentes

Para os apreciadores, quem resiste a um cafezinho da tarde, não é mesmo ? De forma moderada, esporádica e especialmente sem açúcar, o seu consumo moderado não deixa de ser benéfico para a saúde e não atinge a saúde bucal, porém, também não deixa de causar amarelamento ao longo do tempo devido à acidez de sua cor escura. Felizmente, é uma das manchas mais fáceis de tratar com vários métodos de branqueamento. Converse com o seu dentista se você estiver preocupado com a descoloração dos seus dentes.

15 – Fumar

cigarro-amarela-os-dentes

Cigarros, bem como outros derivados do tabaco podem manchar os dentes e levá-los à queda devido ao resultado da periodontite (doença da gengiva), um grande inimigo da saúde bucal  e geral como um todo. Além do mais, o tabaco também pode causar câncer bucal, dos lábios e da língua. Se você estava procurando mais um motivo para parar de fumar, pense no seu sorriso.

16 – Beber vinho

vinho-mancha-dentes

Os ácidos presentes no vinho corroem o esmalte dos dentes, favorecendo também a destruição da saúde bucal, criando manchas ásperas que tornam os dentes mais vulneráveis à coloração. O vinho tinto também contém pigmentos profundos chamados cromogêneo e taninos, que favorecem a penetração colorida nos dentes. Esta combinação facilita para que a coloração do vinho tinto se fixe por bastante tempo mesmo após o seu copo ficar vazio. Consumi-los especialmente quando o cuidado dos dentes é precário, é outro grande fator destrutivo.

17 – Beber vinho branco

vinho-branco-e-saúde-bucal

Você deve ter pensado : “Então eu vou aderir ao vinho branco porque poupará os meus dentes”. Mas os ácidos também presentes no mesmo também enfraquecem o esmalte, deixando os dentes porosos e vulneráveis à coloração de outras bebidas tais como o café. Enxaguar a boca com água depois de beber ou usar creme dental com um agente de clareamento suave pode combater os efeitos coloridos dos vinhos tintos e brancos e ajuda a manter a saúde bucal.

18 – Compulsão alimentar

compulsão-por-alimentos-e-saúde-bucal

Muitas vezes ela envolve abuso de doces que podem levar ao aparecimento de cáries, onde além do mais, bulimia nervosa também pode causar danos à saúde bucal. Os fortes ácidos encontrados no vômito podem corroer os dentes, tornando-os quebradiços e fracos, que também podem causam mau hálito. A bulimia pode levar a uma variedade de problemas graves de saúde, por isso não deixe de conversar com seu médico se você tiver a tendência à ela.

Gostou deste artigo ? Por favor, compartilhe !